| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

DIARIO BALNEÁRIO CAMBORIÚ
Desde: 29/01/2015      Publicadas: 455      Atualização: 21/08/2019

Capa |  QUARTA -FEIRA: 07/08/2019  |  QUARTA-FEIRA: 21/08/2019 08:00  |  QUINTA-FEIRA, 01/08/2019  |  QUINTA-FEIRA: 08/08/2019  |  SEGUNDA-FEIRA : 19/08/2019  |  SEGUNDA-FEIRA, 29/07/2019  |  SEGUNDA-FEIRA: 05/08/2019  |  SEXTA-FEIRA : 16/08/2019  |  TERÇA-FEIRA, 30/07/2019  |  TERÇA-FEIRA: 06/08/2019  |  ÚLTIMAS NOTÍCIAS


 ÚLTIMAS NOTÍCIAS

  16/07/2019
  0 comentário(s)


Mais de 2600 ampolas de Fentanil são apreendidas em operação da PF

Mais de 2600 ampolas de Fentanil são apreendidas em operação da PF

A Polícia Federal em conjunto com a agência norte americana de combate a drogas (DEA), deflagrou nesta terça-feira, a operação “Ampulla”, que desmembrou uma quadrilha que traficava opióide Fentanil, um anestésico, para os Estados Unidos.

Funcionários da Santa Casa de misericórdia em São Paulo desviaram o medicamento, que também era importado da China, sendo enviado ilegalmente para compradores do Brasil e posteriormente aos Estados Unidos.

O anestésico é usado como uma das matérias primas pra fabricação da cocaína e heroína. A operação contou com 40 policiais federais que cumpriram oito mandados de prisão (3 temporárias e 5 preventivas) e nove mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Itanhaém, São José, Tijucas e Florianópolis.

Na capital de Santa Catarina, uma das prisões foi no bairro Campeche. De acordo com as investigações, o grupo adquiriu bens, avaliados em mais de R$ 1,2 milhão, e alguns veículos.

Foram rastreadas três encomendas contendo ampolas de Fentanil diluído, enviadas de Florianópolis à cidade de Miami, nos Estados Unidos, entre os meses de setembro e outubro do ano passado.

A partir daí outras encomendas foram rastreadas. No começo do ano 2.622 ampolas de Fentanil foram apreendidas em Balneário Camboriú.

O suspeito, posteriormente, acabou sendo preso nos Estados Unidos e lá se encontra encarcerado para cumprir pena mínima de 15 anos de prisão. Três funcionários da Santa Casa de Misericórdia em São Paulo estariam envolvidos do desvio dos medicamentos, que eram vendidos em sites na internet.

Os investigados responderão pelos crimes de tráfico internacional de drogas e de associação para o tráfico, cujas penas máximas somadas podem superar 30 anos de prisão.

  Autor:   Igor Silva 10h15mim


  Mais notícias da seção ÚLTIMAS NOTÍCIAS no caderno ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Capa |  QUARTA -FEIRA: 07/08/2019  |  QUARTA-FEIRA: 21/08/2019 08:00  |  QUINTA-FEIRA, 01/08/2019  |  QUINTA-FEIRA: 08/08/2019  |  SEGUNDA-FEIRA : 19/08/2019  |  SEGUNDA-FEIRA, 29/07/2019  |  SEGUNDA-FEIRA: 05/08/2019  |  SEXTA-FEIRA : 16/08/2019  |  TERÇA-FEIRA, 30/07/2019  |  TERÇA-FEIRA: 06/08/2019  |  ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Busca em

  
455 Notícias